DayTrippers – Paixão em Viajar

E que surpresa foi Tolhuin e o Camping Hain!

Tudo começou com a demora para sair de Ushuaia. No último dia resolvemos subir até o glaciar martial, conhecer a laguna esmeralda (o que acabou não acontecendo), e dormir em algum camping aí por esse caminho. Como a laguna levaria muito tempo, chovia forte e já era tarde resolvemos parar em Tolhuin apenas para dormir no posto de gasolina. Como o posto não estava muito convidativo fomos até a famosa Padaria União (que dá comida grátis aos viajante de bicicleta), compramos algum petisco e perguntamos por um camping.

Ao chegar ao Camping Hain, em um frio de 6 graus só encontramos uma mensagem “Se não me encontrar não se preocupe, estou me buscando há anos e ainda não me encontrei. Ass: Roberto”

Procura daqui e dali até que chega  Roberto, nos recebe muito bem e resolvemos ficar apenas uma noite para seguir viagem. Mas nem sei porque ainda insistimos em planejar, sempre mudamos. Chegamos a “La Matera – Un espacio para el arte”, uma área de cozinha, lareira e arte e conhecemos o Javier e a Tania, um casal de argentinos viajando de carona (a dedo como dizem aqui) e que mais tarde pegariam carona com a gente. Também o Quentin, um francês de 24 anos viajando de carona desde a França (sério, pegou carona em um barco e veio trabalhando). Por ali ficamos e fomos gostando do lugar e já demos umas boas risadas com o Roberto, uma figura pra lá de engraçada. Mas o dia já ia meio terminando e combinamos que no dia seguinte a noite faríamos musica e o Roberto tocaria um instrumento estranho que ele mesmo inventou.

Dia seguinte chega e resolvemos então aproveitar um pouco a cidadezinha. Rodamos bem umas 2 horas em busca de um mercado aberto em plena “siesta” que quase nos enlouquece quando percebemos que está tudo fechado e que nada abrirá antes das 15:00. Implorando entramos em um que ia fechando, eu, Isa, Quentin e na porta nos esperava mais um cachorro amigo que fizemos. Depois disso compramos umas iscas artificiais e fomos tentar pescar no belo Lago Fagnano. Muito vento, lança anzol e nada, mas valeu a beleza do lago cercado por picos nevados.

E chega a noite, chegam também o Joselito e a Morgana um casal de franceses a viajar pela américa do sul em uma Explorer. E foi juntando essa gente do mundo e dali e foi dando muita liga, o Javier no violão, a Isa no atabaque, o Roberto no instrumento dele e fazendo letras e rimas ali mesmo no momento sobre o que acontecia, quanta risada! Eu fazia minha arte pra pregar na parede da La Matera. Vinho pra um lado e para o outro, bocas e dentes roxos de tanino e uma energia contagiante que dava vontade de parar o tempo ali mesmo. Essas são as melhores noites, as que sentimos que o tempo poderia parar e a vida continuar.

Confira a galeria de fotos da Tolhuin!

4 comentários sobre “E que surpresa foi Tolhuin e o Camping Hain!

  1. Marina

    Pois é… vocês estão começando, nós estamos terminando! Boa sorte, aproveitem que viver com a casa nas costas tem vantagens e desvantagens. Se quiserem alguma informação, podem escrever no meu email ou pesquisar no site ou blog!
    Abraços e boa viagem!
    http://www.projetoanima.com

    1. daytrippers Autor da Postagem

      Olá Marina!
      Que bacana o projeto de vocês! Vamos estar sempre checando o blog pra pegar as dicas!
      Sem dúvidas viver com a casa nas costas tem suas vantagens e desvantagens e já deu pra perceber um pouco disso em 4 meses de viagem. Mas ta sendo uma experiência única! Vamos fazer uma temporada de Brasil, vocês estão aonde hoje? Podemos combinar um encontro pra trocarmos idéias e experiências! Abração!!

  2. clebson

    kara bom dimais vcs nessa empreitada, parabens e boa sorte em todo o roteiro, viva intensamente cada momento. se possivel mande ai a vivencia de cada dia no meu email

    1. daytrippers Autor da Postagem

      Fala Clebson! Obrigado pelas bendiciones, viveremos ao maximo. Não conseguimos mandar no e-mail mas você pode curtir nosso facebook.com/daytrippersbr e acompanhar sempre aqui no site também. grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *