DayTrippers – Paixão em Viajar

Colonia del Sacramento, ou “del viento”?

Depois da paixão fulminante por Cabo Polonio, resolvemos deixar Montevideo de lado, afinal o Uruguai que levaria uns poucos dias da viagem já contava 10 e nós dois já havíamos conhecido a capital em outras oportunidades. Sendo assim, seguimos direto para Colonia del Sacramento, ou simplesmente Colonia, antiga colônia portuguesa, de frente para o Rio da Prata e há umas 3 horas de balsa de Buenos Aires, aliás uma boa opção de visita para quem estiver na capital argentina.

Portal do bairro histórico

A cidade é um charme e o bairro histórico foi declarado patrimônio mundial da humanidade pela Unesco em 1995. Por ali, se encontram diversas construções antigas, como as ruínas do convento de São Francisco, o Farol, a bela Rua dos Suspiros, a Igreja Matriz, entre outros, além dos 8 museus sobre temas indígenas, os portugueses e até especificamente os azulejos lusitanos. Um lugar simples de visitar, basta se deixar levar pelas ruas e talvez finalizar o dia em algum restaurante ou café aconchegante.

Rua dos Suspiros

É claro que rodamos esse lindo bairro histórico, mas os museus ficaram de lado, afinal acordamos um pouco tarde e ainda tínhamos uns últimos papos para bater com nossos amigos sul africanos, depois de uma noite de vinho, cerveja e muita conversa em Punta Ballena. Depois de conhecer a beleza do bairro seguimos diretamente para um shopping center [sic], para usar uma internet grátis e gastar os últimos pesos uruguaios no supermercado antes de sair do país. Repostas as provisões de vinho e atum faltava agora um lugar barato para passar a noite antes de seguir rumo à Buenos Aires.

Isa e um “carro-escultura”

Batemos à porta de alguns albergues caros e então pensamos que a melhor opção seria procurar alguma alternativa. Por que não dormir no estacionamento do Buquebus , a balsa que nos levaria no dia seguinte as 5:00 da manhã para Buenos Aires? ps. Horário escolhido em função do melhor preço.

Estacionamento do Buquebus, noite de muito vento!

Tomada a decisão, a Isa desenrolou com o encarregado e nossa noite no estacionamento saiu por 50 pesos uruguaios, algo como 5 reais! Já passava das 10 da noite e chovia quando abrimos a barraca rapidamente e subimos. A noite foi uma das mais inquietas, o vento vindo do rio chacoalhava a barraca, e quase nem descansamos quando chegaram as 4:00 da manhã e o despertador tocou… Que venha Buenos Aires!

Buquebus, balsa para Buenos Aires

Confira a galeria de fotos de Colonia!

4 comentários sobre “Colonia del Sacramento, ou “del viento”?

  1. João Paulo

    Olá, Daytrippers!

    Parabéns pela iniciativa, tanto de meter o pé na estrada quanto de divulgar a viagem. Os textos de vocês são muito bem escritos, objetivos e nada cansativos. 🙂

    Viajarei de Brasília rumo ao sul da América do Sul, depois Chile, por 50 dias com minha namorada a partir de dezembro.

    Quanto custou para passar o carro no Buquebus?

    Grato!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *