DayTrippers – Paixão em Viajar

Baños E Sua Melhor Parte, Rio Verde E Suas Cachoeiras

O Equador é um país relativamente pequeno com 3 regiões bem claras: A leste, a
Amazônia, conhecida como “oriente”, a oeste, o litoral e a estrela Galápagos e ao centro, montanhas e a famosa avenida dos vulcões. Tínhamos que escolher por onde cruzar e já que seguíamos rumo ao caribe colombiano decidimos fazer o Equador pelas montanhas e entrar um pouco na Amazônia. Foi na cordilheira, à caminho do oriente, que chegamos em Baños de Ambato, uma cidade muito frequentada por turistas em buscas das águas termais.

O centro de Baños

Fomos direto ao camping que haviam nos indicado em Rio Verde, e a surpresa quando chegamos lá foi que a Su, dona do “Pequeno Paraíso”, é brasileira e muito gente boa! Nos instalamos e saímos para buscar umas frutas no povoado de Rio Verde, um vilarejo tranquilo com uma localização privilegiada, em meio à natureza com um rio e uma queda d’água no meio da cidade. Não encontramos as frutas em variedade, nos salvaram as bananas que são tão abundantes nesse país, mas em compensação tivemos a oportunidade de experimentar as empanadas da primeira e única lanchonete da vila, preparadas na hora e muito saborosas!

A casa das empanadas

O “Pequeño Paraiso” é uma ótima opção pra quem estiver na região, seja acampando ou em cabanas. Eles tem um ótimo espaço com muito verde, uma piscina e uma cozinha deliciosa integrada a um espaço com sofá, música e livros, ideal para uns dias de relaxamento. Mais em: www.pprioverde.com

Isa acordando no camping

Na cidade de Baños demos um bom giro, aproveitamos as frutas e verduras frescas e conhecemos a bela Basílica de Água Santa, com uma construção muito bonita em pedras escuras com detalhes brancos que formam um belo contraste. Da cidade também é possível observar o vulcão ativo de Tugurahua que inclusive estava em estado de alerta dias antes de chegarmos na cidade, infelizmente não conseguimos vê-lo em função do tempo fechado.

A Basílica

A medida que nos inteiramos sobre a região fomos abandonando a ideia de conhecer as águas termais de Baños que disseram serem muito cheias, turísticas e artificiais, e como já vínhamos visitando outras termas mais tranquilas, optamos por conhecer melhor as belas cachoeiras de Rio Verde. São muitas as opções, como o véu da noiva, a cabeleira da virgem, a Ines Maria, entre outras, em um total aproximado de 60.

Uma das belas cachoeiras de Rio Verde

Imperdível

A cachoeira que mais nos impressionou e virou até cartão postal na nossa coleção foi o Pailon del Diablo. Essa cachoeira com 80 metros de altura tem uma ponte que passa pela frente, um caminho por trás e uma escada embaixo, permitindo uma visualização diferente de vários ângulos, e tudo isso muito bem integrado à natureza sem atrapalhar o visual.

A cachoeira Pailon del Diablo, cartão postal da nossa coleção disponível em www.daytrippers.com.br/postais

Cruzamos a ponte sempre observando o imenso volume de água e a medida que nos aproximávamos, a água começava a nos molhar e sentíamos na pele a energia daquela beleza natural. Chegamos então na parte de trás da cachoeira, de onde se observa a queda d’água e um barulho ensurdecedor da força da natureza. Só faltou a escada de baixo que deve ser acessada da outra entrada da cachoeira, mas que de cima é muito bonita, por ser uma construção em pedra que se integra ao cenário e compõe o estilo do lugar.

Outra visão do Pailon

Baños e Rio Verde tem um turismo muito em conta, a entrada para conhecer as cachoeiras é de USD 1 por pessoa, e para chegar até elas a caminhada é bem tranquila. Na cidade de Baños tem a opção de aluguel de bicicletas e a saída de transportes públicos até a entrada das principais cachoeiras.

Músico caminha em Baños

Confira a galeria de fotos de Baños!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *